quinta-feira, 31 de março de 2011

VÍDEO - HOMENAGEM AO NIVER DA CLEUSA

video

SESSÃO LEITURA

O poema que reproduzimos abaixo é da autoria do escritor paranaense Paulo Leminski.
Para maiores informações sobre ele, favor consultar: http://pensador.uol.com.br/autor/Paulo_Leminski/.
Boa leitura!

Leite, leitura
letras, literatura,
tudo o que passa,
tudo o que dura
tudo o que duramente passa
tudo o que passageiramente dura
tudo,tudo,tudo
não passa de caricatura
de você, minha amargura
de ver que viver não tem cura

OS DOIS CAMINHOS - COLABORAÇÃO: ANNIE WALKER

Os dois caminhos


Meu lado Obscuro
negro confuso
no escuro difuso
me impede de ver

O outro lado sagrado
com lágrimas marcado
chagas do passado
o presente me faz rever

Nos dois caminhos
indo indecisa
confusa e metida
a não me comprometer

No marcapasso
do tempo apressado
meus indecisos passos
me levam a me perder

cobras de mim
mas continuo assim
sem nada fazer

mas meu atual estado
de dúvidas marcado
uma decisão tenho que ter

mas não penso
se com pensamentos
tensos
me vejo presa
por uma idéia ou surpresa

Desejo: liberdade!
Respirar de verdade
decidir sem me arrepender

Implica querer
merecer ou ser
por inteiro
sem meio termo
eu quero poder
ter a escolha de querer

Eu preciso pensar
mas com pressão não dá
um caminho tenho que tomar
mas para isso
preciso respirar.

quarta-feira, 30 de março de 2011

SESSÃO SAUDADE

Ele foi, sem dúvida, um dos maiores humoristas que o Brasil já conheceu.
Do circo ao cinema, Amácio Mazzaropi levou para as telas e picadeiros a ingenuidade de seus tipos bem brasileiros e populares. Do motorista Isidoro ao caipira Jeca Tatu, ele conseguiu, com certeza, nos mostrar um pouco da vida do povo brasileiro, ora com risos, ora com lágrimas.
Mazzaropi passou para a história do cinema brasileiro e até hoje seus filmes ainda atraem a atenção de muitas pessoas.
Para maiores informações sobre o artista, favor consultar: http://www.museumazzaropi.com.br/index.asp.
Ah, se ele estivesse vivo... Mas, (in)felizmente só no resta uma grande saudade!
Valeu, Mazza. Obrigado por tudo e descanse em paz!

LOCOMOTIVAS - COMPACTO - PARTES III E IV

terça-feira, 29 de março de 2011

SESSÃO REMAKE MUSICAL - ROCK AND ROLL LULLABY - IVO PESSOA

A música Rock and Roll Lullaby foi gravada originalmente por B. J. Thomas. A interpretação que vamos ouvir é de Ivo Pessoa.
Boa audição!

video

Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=eOzBFJ8MPy8

SESSÃO TÚNEL DO TEMPO MUSICAL - ROCK AND ROLL LULLABY - B. J. THOMAS

A música Rock and Roll Lullaby, interpretada por B. J. Thomas, foi tema da primeira versão de Selva de Pedra, apresentada pela Rede Globo de Televisão, às 20 horas, entre 12 de abril de 1972 e 23 de janeiro de1973.
Para maiores informações sobre a novela, favor consultar: http://www.teledramaturgia.com.br/tele/selva72.asp.
Boa audição!

video

Fonte: http://www.youtube.com/watch?v=PwQm27Ik8C8

LETRA

Rock And Roll Lullaby

She was just sixteen and all alone
When I came to be
So we grew up together
My mama child and me
Now things were bad and she was scared
But whenever I would cry
She'd calm my fears and dry my tears

With a rock and roll lullaby

And she would sing sha na na na na na na na ...
It will be all right sha na na na na na....
Sha na na na na na na na ...
Now just hold on tight

Sing it to me mama (mama mama ma)
Sing it sweet and clear, oh!
Mama let me hear that old rock and roll lullaby

Now we made it through the lonely days
But Lord the nights were long
And we'd dream of better moments
When mama sang her song
Now I can't recall the words at all

It don't make sense to try
'Cause I just knew lots of love came thru

In that rock and roll lullaby

And she'd sing sha na na na na na na na
It will be all right
Sha na na na na na na na
Now just hold on tigh

I can hear you mama, mama, mama, mama
nothing loose my soul
like the sound of the good old rock and roll lullaby

segunda-feira, 28 de março de 2011

CAMPANHA URCA SEM CORTES

Recado de nossa amiga Beka Moreau:

"Je, mon ami minhas amigas da quadrilha do orkut estão organizando uma campanha para que URCA seja exibida sem cortes, a campanha já tá no Orkut, no Twitter e tbm no msn. qremos saber se vc pode divulgar ai no blog, temos que colher 1000 assinaturas(previsto pela Joyce chefa da quadrilha).
Temos que nos unir...
@Urcamaniacas
#UrcaSemCortes
Obs: O site vai pra rede domingo.
Bjus Beka"

O link do site para entrar no abaixo assinado é: http://www.abaixoassinado.org/assinaturas/assinar/8492.

Colaborem, por favor!

SESSÃO RETRÔ - VARIEDADES

A reportagem que reproduzimos abaixo foi publicada na revista Sétimo Céu, provavelmente no ano de 1972.
Nosso agradecimento à amiga Maria do Sul pela cessão do material.
Boa leitura!




SESSÃO RETRÔ - NOVELAS - CINDERELA 77

A novela Cinderela 77 foi apresentada pela Rede Tupi de Televisão entre maio e agosto de 1977.
Para maiores informações sobre a novela, favor consultar: http://www.teledramaturgia.com.br/tele/cinderela.asp.
A reportagem que reproduzimos abaixo foi publicada na revista Sétimo Céu, nr. 254.
Nosso agradecimento ao amigo Césio Vital Gaudereto pela remessa do material.
Boa diversão!

Photobucket

Photobucket

VÍDEOS

MÚSICA DA ABERTURA DA NOVELA

video


CENAS DA NOVELA

video



sábado, 26 de março de 2011

PARA MEDITAR - COLABORAÇÃO: MARI DO MURAL DA URCA

Mariana ficou toda feliz porque ganhou de presente um joguinho de chá, todo azulzinho, com bolinhas amarelas. No dia seguinte, Julia sua amiguinha, veio bem cedo convida-la para brincar.
Mariana não podia porque ia sair com sua mãe naquela manha. Julia, então, pediu a coleguinha que lhe emprestasse o seu conjuntinho de chá para que ela pudesse brincar sozinha na garagem do prédio.
Mariana não queria emprestar, mas, com a insistência da amiga, resolveu ceder, fazendo questão de demonstrar todo o seu ciúme pôr aquele brinquedo tão especial.
Ao regressar do passeio, Mariana ficou chocada ao ver o seu conjuntinho de chá jogado no chão. Faltavam algumas xícaras e a bandejinha estava toda quebrada.
Chorando e muito nervosa, Mariana desabafou: Esta vendo, mamãe, o que a Julia fez comigo?
Emprestei o meu brinquedo, ela estragou tudo e ainda deixou jogado no chão. Totalmente descontrolada, Mariana queria, porque queria, ir ao apartamento de Julia pedir explicações. Mas a mamãe, com muito carinho, ponderou:
- Filhinha, lembra daquele dia quando você saiu com seu vestido novo todo branquinho e um carro, passando, jogou lama em sua roupa?
Ao chegar a sua casa você queria lavar imediatamente aquela sujeira, mas a vovó não deixou.
Você lembra do que a vovó falou? Ela falou que era para deixar o barro secar primeiro. Depois ficava mais fácil limpar. Pois e, minha filha! Com a raiva e a mesma coisa.
Deixa a raiva secar primeiro. Depois fica bem mais fácil resolver tudo. Mariana não entendeu muito bem, mas resolveu ir para a sala ver televisão.
Logo depois alguém tocou a campainha. Era Julia, toda sem graça, com um embrulho na mão. Sem que houvesse tempo para qualquer pergunta, ela foi falando:
- Mariana, sabe aquele menino mau da outra rua que fica correndo atras da gente?
Ele veio querendo brincar comigo e eu não deixei. Ai ele ficou bravo e estragou o brinquedo que você havia me emprestado.
Quando eu contei para a mamãe ela ficou preocupada e foi correndo comprar outro brinquedo igualzinho para você. Espero que você não fique com raiva de mim.
Não foi minha culpa.
Não tem problema, disse Mariana, minha raiva ja secou. E, tomando a sua coleguinha pela mão, levou-a para o quarto para contar historia do vestido novo que havia sujado de barro.

SESSÃO FOTONOVELA

A fotonovela que reproduzimos abaixo foi publicada em um dos números da revista Sétimo Céu do ano de 1976.
Boa leitura!























sexta-feira, 25 de março de 2011

SESSÃO TRAQUIZ



A foto da semana passada era do Biscoitinho Erico.
Agora, tentem descobrir quem é a criança da foto.
Algumas pistas:
1) Cantor preferido: Tim Maia.
2) Música preferida: As Rosas Não Falam.
3) Ator e atriz preferidos: Paulo Autran e Fernanda Montenegro.
4) O que marcou sua vida: a formatura na faculdade.
5) O que gosta de fazer: ler, assistir televisão, conversar com os amigos na net.
6) Frase preferida: "Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina". (Cora Coralina).
7) Objeto preferido:






SESSÃO CAPAS E PÔSTERES

A capa e o pôster que apresentamos abaixo foram publicados na revista Sétimo Céu.
Nossa gratidão ao amigo Césio Vital Gaudereto que nos enviou esse material.
Boa diversão!




SESSÃO FOTO QUIZ

A foto da semana passada é da simpática atriz Sandra Barsotti.
Agora, tentem adivinhar de quem é a foto abaixo.
Algumas dicas:
1) Estreou na televisão em 1993, na novela Fera Ferida, da Rede Globo de Televisão.
2) Trabalhou em novelas como: Irmãos Coragem (remake), Por Amor e Chocolate com Pimenta.
3) Esteve no ar em uma novela da Globo que terminou recentemente.
Boa diversão!






quinta-feira, 24 de março de 2011

AMO VOCÊ - COLABORAÇÃO: ANNIE WALKER

Meu coração
é como um pássaro fugido,
com medo se ser esquecido
e todo perdido
em um mundo que ele não entende
e nem é entendido.
Simplesmente só e sentido
por tudo o que tinha acontecido,
apenas ele mesmo, desprendido
de tudo o que poderia tê-lo destruído,
só e escondido
no infinito de um amor mal compreendido
e não correspondido.
E você passa sem perceber
que eu não consigo te esquecer,
é impossível não te querer
depois de tudo o que eu fiz pra te ter.
Sensível e discreto prazer
tenho em te ver.
Só você não consegue perceber
que eu amo você!

SESSÃO LEITURA

A crônica que reproduzimos em seguida é da autoria de José Carlos de Oliveira.
Boa leitura!

CÃOMÍCIO NO CALÇADÃO

Reunidos no calçadão central da Avenida Atlântica, entre as Ruas Souza Aguiar e Sá Ferreira, dezenas de cães participaram sábado à tarde de um comício autorizado, em princípio, pela Administração Regional de Copacabana. Eram cachorros das mais variadas raças e dos mais diferentes tamanhos, desde Pastores Alemães até miniaturas Pintcher. Junto ao meio-fio, no local da concentração, um carro-choque do Batalhão de Gatos, armados de unhas e dentes, garantia a ordem.
O primeiro a subir ao tablado, que era um engradado de refrigerantes emborcado, foi um Poodle branquinho, de rabinho cotó
- Nossos donos são irresponsáveis! - gritou ele
- Abaixo os donos irresponsáveis! - respondeu a multidão raivosa (embora toda ela vacinada)
- Todo poder aos cachorros! - prosseguiu veemente o Poodle branco, cujo focinho lembrava vagamente o de Jane Fonda, e que era tido, entre o Posto 6 e o Posto 4, como o líder inconteste do Dog-Power.
Em seguida pediu a palavra um Weimaraner azulado, de olhos tristes. Do alto do caixote, falou ponderadamente:
- Meus modos if... if... (estava chorando o coitado)... Meus modos refletem o do meu dono... Não quero mais passar vergonha sujando a calçada!
- Nós também não! - responderam em uníssono os manifestantes caninos. Lá do meio do povo, alguém latiu com voz de Pointer:
- Nossos donos precisam aprender que lugar de cachorro fazer suas "coisas" é em casa!
- Bravo! Apoiado! - concordou a cãonalhada.
- Pipi-dog! Queremos pipi-dog! - Puseram-se a ladrar cadelinha Basser - cinco ou seis, provavelmente da mesma ninhada. - Somos moças de família, e portanto temos direito a um lugar no apartamento, onde possamos fazer a nossa toalete em que os intrusos invadam a nossa privacidade"
- Muito bem! Falou! Podem crer! - entoaram em coro os cinco Dobermans que moram no Edifício Chopin, um dos mais luxuosos de Copacabana, e que fazem pipi - vejam só a heresia! - na piscina do Copacabana Palace, que fica ali ao lado.
Agora, estava no tablado um musculoso Boxer, com sua cara abobalhada e seu tradicional bom coração.
- Senhoras e senhores - disse ele - sejamos objetivos. Desejo colocar em votação uma proposta simples, de três pontos, a qual, se aprovada, será encaminhada aos nossos donos, em forma de abaixo-assinado. Primeiro ponto:
- "Quero meu pipi-dog no apartamento"
- Apoiado! - gritou a assembléia
Segundo ponto: ... Mas, antes, para evitar tumulto, prefiro que os distintos companheiros, em vez de latirem, ladrarem, rosnarem e coisa e tal, balancem o rabo em sinal de aprovação. Aqueles que não mais possuem rabo poderiam uivar, mais docemente, pois uma de nossas preocupações principais há de ser a de não agravar a poluição sonora, de maneira a não indispor a opinião publica contra a nossa causa...
Todos balançaram o rabo, em silêncio. A questão do orador fora aceita. Ele então prosseguiu:
- Segundo ponto: - "Queremos fazer nosso cooper canino apenas no calçadão central da Avenida Atlântica..."
Rabinhos balaçaram para lá e para cá: aprovado.
- Terceiro ponto: "É preferível que não nos levem à praia, onde involuntariamente causamos uma porção de doenças!"
Rabinhos alegres: de acordo.
- Desta forma - finalizou o Boxer - poderemos afirmar que somos felizardos e que temos donos educados!
- Nosso dono vai ser superlegal! - exclamou a assembléia, esquecendo a recomendação de só balançar o rabo.
Nessa altura, todos ali estavam com vontade de fazer cocô e pipi. Sendo assim, o Poodle branco decidiu dar por encerrada a reunião, recomendando que os manifestantes se dispersassem em ordem.
Mas nesse instante pulou no caixote um autêntico Vira-Lata, magrinho, de olhos famintos, as costelas aparecendo sob o pêlo ralo, o rabo entre as pernas.
- Irmãos! - bradou ele, ou melhor, essa palavra num gemido - Irmãos! Todos somos irmãos! Todos os cachorros são iguais! Portanto, o verdadeiro problema não está no pipi-dog doméstico nem no pinicão de apartamento. O necessário é que todos nós, os de pedigrees e os da rua, os de raça e os vira-latas, tenhamos, todos direito aos cuidados veterinários periódicos, à vacinação gratuita, à alimentação farta e balanceada, à coleira protetora com sua placa de identificação, aos banhos seguidos de talcos contra pulgas.. Viva pois a revolução! Todo o poder aos cachorros, sem distinção de raça, cor ou credo!
-Uh! Fora! - gritaram os cães de luxo, que pertencem todos, naturalmente, à Direita, e preferem que as coisas continuem como estão, no plano da justiça social. - Fora! Sarnento! Babão! Comedor de restos! Ralé!
A multidão de sócios do Kennel Club avançou na direção do anarquista, rosnando ameaçadoramente. Foi preciso que os gatos salvassem o Vira-Lata do linchamento inevitável, para o que o cercaram, dispersando a cachorrada com bomba de gás lacrimogêneo.
Em seguida, o Batalhão de Gatos levou o Vira-Lata para o lugar adequado a essa espécie agitador. Ele agora está sendo processado e é capaz de passar o resto da vida num canil-presídio. Acusação: trata-se de um CÃOMUNISTA.

quarta-feira, 23 de março de 2011

HOMENAGEM À GRANDE ATRIZ ELIZABETH TAYLOR

Nossa homenagem à grande atriz Elisabeth Taylor, falecida ontem. Para isso, reproduzimos abaixo um vídeo feito como tributo para ela e retirado do Youtube.
Que descanse em paz!
Fica nossa saudade ao rever suas brilhantes atuações no cinema!

SESSÃO SAUDADE

Quero homenagear hoje um artista que me recorda os bons tempos da infância, o palhaço Carequinha.
Para maiores informações sobre ele, favor consultar: http://www.funarte.gov.br/circo/george-savalla-gomes-o-palhaco-carequinha/.
Carequinha e suas canções recordam-nos os bons tempos em que a infância era marcada pela inocência.
Vamos recordar duas de suas canções mais famosas: Criança Feliz e O Bom Menino.
Nossa homenagem sincera a esse querido palhaço e aqueles tempos que não voltam mais! Resta-nos apenas a saudade!

video


video




LOCOMOTIVAS - COMPACTO - PARTES I E II

PARTE I

video

terça-feira, 22 de março de 2011

SHOW DE CLÁUDIO LINS


O preço do ingresso abaixou de R$75,00 para R$50,00 cada, sendo que na compra de no mínimo 2 ingressos cada um sai por R$35.


SESSÃO REMAKE MUSICAL - CORAÇÃO PIRATA - TWIGGY

No vídeo abaixo, Twiggy, uma das calouras do programa Raul Gil, interpreta a canção Coração Pirata, originalmente gravada pelo grupo Roupa Nova.
Quem quiser conferir a interpretação do Roupa Nova, favor acessar: http://biscoitocafeenovela.blogspot.com/2011/03/sessao-tunel-do-tempo-musica-coracao.html.
Boa audição!

video



SESSÃO TÚNEL DO TEMPO MÚSICA - CORAÇÃO PIRATA - ROUPA NOVA

A canção Coração Pirata, interpretada pelo grupo Roupa Nova, foi tema da novela Rainha da Sucata, exibida pela Rede Globo de Televisão, entre 02 de abril e 26 de outubro de 1990.
Para maiores informações sobre a novela, favor consultar: http://www.teledramaturgia.com.br/tele/rainha.asp.
Boa audição!

video



segunda-feira, 21 de março de 2011

VÍDEO - HOMENAGEM AO NIVER DA PRISCILA MARTINS

video

VÍDEO - HOMENAGEM AO NIVER DA JOICE

video

SESSÃO RETRÔ - VARIEDADES

A reportagem que reproduzimos abaixo foi publicada na revista Sétimo Céu, nr. 241, de abril de 1976.
Boa leitura!




SESSÃO RETRÔ - NOVELAS - ESPECIAL V - UMA ROSA COM AMOR

A reportagem que reproduzimos abaixo foi publicada na revista Cartaz, no ano de 1972. Nossa gratidão ao amigo Césio Vital Gaudereto, que nos enviou essa preciosidade.
Para maiores informações sobre Uma Rosa com Amor (versão de 1972), favor consultar: http://www.teledramaturgia.com.br/tele/rosa72.asp.
Lembrando que todas as reportagens sobre Uma Rosa com Amor, seja versão de 1972 ou de 2010, também são publicadas no blog faclubeurca.blogspot.com.
Boa leitura!





domingo, 20 de março de 2011

PARA MEDITAR - COLABORAÇÃO: LETE

O MENESTREL - WILLIAM SHAKESPEARE

Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença entre dar a mão e acorrentar uma alma. E você aprende que amar não significa apoiar-se. E que companhia nem sempre significa segurança. Começa a aprender que beijos não são contratos e que presentes não são promessas.
Começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança.
Aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão.
Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo.
E aprende que, não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam… E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso. Aprende que falar pode aliviar dores emocionais.
Descobre que se leva anos para construir confiança e apenas segundos para destruí-la…
E que você pode fazer coisas em um instante das quais se arrependerá pelo resto da vida. Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias.
E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida.
E que bons amigos são a família que nos permitiram escolher.
Aprende que não temos de mudar de amigos se compreendemos que os amigos mudam…
Percebe que seu melhor amigo e você podem fazer qualquer coisa, ou nada, e terem bons momentos juntos. Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa… por isso sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas; pode ser a última vez que as vejamos. Aprende que as circunstâncias e os ambientes têm influência sobre nós, mas nós somos responsáveis por nós mesmos. Começa a aprender que não se deve comparar com os outros, mas com o melhor que pode ser.
Descobre que se leva muito tempo para se tornar a pessoa que quer ser, e que o tempo é curto.
Aprende que não importa onde já chegou, mas para onde está indo… mas, se você não sabe para onde está indo, qualquer caminho serve.
Aprende que, ou você controla seus atos, ou eles o controlarão… e que ser flexível não significa ser fraco, ou não ter personalidade, pois não importa quão delicada e frágil seja uma situação, sempre existem, pelo menos, dois lados. Aprende que heróis são pessoas que fizeram o que era necessário fazer, enfrentando as conseqüências. Aprende que paciência requer muita prática.
Descobre que algumas vezes a pessoa que você espera que o chute quando você cai é uma das poucas que o ajudam a levantar-se. Aprende que maturidade tem mais a ver com os tipos de experiência que se teve e o que você aprendeu com elas do que com quantos aniversários você celebrou. Aprende que há mais dos seus pais em você do que você supunha.
Aprende que nunca se deve dizer a uma criança que sonhos são bobagens…
Poucas coisas são tão humilhantes e seria uma tragédia se ela acreditasse nisso.
Aprende que quando está com raiva tem o direito de estar com raiva, mas isso não te dá o direito de ser cruel. Descobre que só porque alguém não o ama do jeito que você quer que ame não significa que esse alguém não o ama com tudo o que pode, pois existem pessoas que nos amam, mas simplesmente não sabem como demonstrar ou viver isso.
Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém…
Algumas vezes você tem de aprender a perdoar a si mesmo.
Aprende que com a mesma severidade com que julga, você será em algum momento condenado.
Aprende que não importa em quantos pedaços seu coração foi partido, o mundo não pára para que você o conserte. Aprende que o tempo não é algo que possa voltar.
Portanto, plante seu jardim e decore sua alma, em vez de esperar que alguém lhe traga flores.
E você aprende que realmente pode suportar… que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida! Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem que poderíamos conquistar se não fosse o medo de tentar.

SESSÃO BISCOITINHOS

video