terça-feira, 25 de abril de 2017

CHAMADA - SESSÃO RETRÔ - NOVELAS

O Casarão, Irmãos Coragem (primeira versão), O Primeiro Amor, O Terceiro Pecado, grandes novelas que estarão em breve em cartaz na Sessão Retrô - Novelas!
Não percam!

SESSÃO REMAKE MUSICAL - VELHO DEMAIS - BANDA CRAZY WORLD

A canção Velho Demais, originalmente interpretada pelo conjunto Placa Luminosa, é apresentada no vídeo abaixo pela Banda Crazy World.
Boa diversão!

video


LETRA

VELHO DEMAIS

Toda vez que eu olho o espelho
Vejo um rosto magro e feio
É que estou ficando velho demais
Velho demais

Já não vejo quem eu via
Já não corro atrás do dia
É que estou ficando velho demais
Velho demais

A memória é fraca
A gravata aberta
Sapato aperta no meu pé
É que estou ficando velho demais
Velho demais

Já não ouço cantar os passarinhos
Cadê meu ninho?
É que estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais

A memória é fraca
A gravata aberta
Sapato aperta no meu pé
É que estou ficando velho demais
Velho demais

Já não ouço cantar os passarinhos
Cadê meu ninho?
É que estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais



SESSÃO TÚNEL DO TEMPO MUSICAL - VELHO DEMAIS - PLACA LUMINOSA

A canção Velho Demais, interpretada pelo conjunto Placa Luminosa, fez parte da trilha sonora da novela Sem Lenço, Sem Documento, apresentada pela Rede Globo no horário das 19h de 13 de setembro de 1977 a 4 de março de 1978.
Para saber mais sobre a novela, favor acessar: http://www.teledramaturgia.com.br/sem-lenco-sem-documento/.
Boa diversão!

video


LETRA

VELHO DEMAIS

Toda vez que eu olho o espelho
Vejo um rosto magro e feio
É que estou ficando velho demais
Velho demais

Já não vejo quem eu via
Já não corro atrás do dia
É que estou ficando velho demais
Velho demais

A memória é fraca
A gravata aberta
Sapato aperta no meu pé
É que estou ficando velho demais
Velho demais

Já não ouço cantar os passarinhos
Cadê meu ninho?
É que estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais

A memória é fraca
A gravata aberta
Sapato aperta no meu pé
É que estou ficando velho demais
Velho demais

Já não ouço cantar os passarinhos
Cadê meu ninho?
É que estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais
Estou ficando velho demais


segunda-feira, 24 de abril de 2017

SESSÃO RETRÔ - VARIEDADES - FAUSTO ROCHA JR.

A reportagem abaixo foi publicada na revista Melodias nr. 158, publicada em 31 de agosto de 1970.
Para ler esta ou outra matéria em tamanho maior, caso use o Explorer ou Chrome, clique sobre a figura com o botão direito do mouse e selecione a opção "abrir link em uma nova guia". Na nova guia, clique com o botão esquerdo do mouse e, pronto, terá acesso a uma ampliação da página. Caso o navegador seja o Firefox, clique sobre a figura com o botão direito do mouse e selecione a opção "abrir em nova aba". Em seguida, proceda como no caso dos dois outros navegadores citados.
Boa diversão!




SESSÃO RETRÔ - NOVELAS - VITÓRIA BONELLI - DÉCIMA PARTE

A reportagem abaixo é parte da revista Momentos Maravilhosos de Vitória Bonelli, publicada em 1973.
A novela Vitória Bonelli foi apresentada pela Rede Tupi no horário das 19h de 13 de setembro de 1972 a 14 de julho de 1973.
Para saber mais sobre essa novela, favor consultar: http://www.teledramaturgia.com.br/vitoria-bonelli/.
Na semana que vem tem mais!
Acompanhem!
Para ler esta ou outra matéria em tamanho maior, caso use o Explorer ou Chrome, clique sobre a figura com o botão direito do mouse e selecione a opção "abrir link em uma nova guia". Na nova guia, clique com o botão esquerdo do mouse e, pronto, terá acesso a uma ampliação da página. Caso o navegador seja o Firefox, clique sobre a figura com o botão direito do mouse e selecione a opção "abrir em nova aba". Em seguida, proceda como no caso dos dois outros navegadores citados.
Boa leitura!



sábado, 22 de abril de 2017

PARA MEDITAR



SESSÃO FOTONOVELA - O TURISTA

A fotonovela abaixo pertence à revista Melodias nr. 145, publicada em outubro de 1969.
Para ler esta ou outra matéria em tamanho maior, caso use o Explorer ou Chrome, clique sobre a figura com o botão direito do mouse e selecione a opção "abrir link em uma nova guia". Na nova guia, clique com o botão esquerdo do mouse e, pronto, terá acesso a uma ampliação da página. Caso o navegador seja o Firefox, clique sobre a figura com o botão direito do mouse e selecione a opção "abrir em nova aba". Em seguida, proceda como no caso dos dois outros navegadores citados.
Boa leitura!























sexta-feira, 21 de abril de 2017

SESSÃO CAPAS E PÔSTERES

A capa pertence à revista Melodias nr. 145, publicada em outubro de 1969.
Já o pôster à revista Ilusão nr. 307, publicada em 15/12/78.
Boa diversão!




SESSÃO FOTO QUIZ

A foto da semana passada pertence à atriz, cantora, ex-modelo e apresentadora Solange Couto.
Agora tentem descobrir quem é a garota da foto.
Eis algumas pistas:
1) Esta atriz, ainda viva, nasceu na capital mineira no ano de 1971.
2) Estreou em telenovelas em O Dono do Mundo, na Rede Globo, no ano de 1991.
3) Participou de telenovelas como: 74.5 – Uma Onda no Ar, na Rede Manchete; Torre de Babel e Caminhos das Índias, ambas na Rede Globo.
Boa diversão!


quinta-feira, 20 de abril de 2017

SESSÃO LEITURA - LAR DOCE LAR - CACASO

O texto abaixo é de autoria de Cacaso.
Para maiores informações sobre o autor, favor acessar: http://enciclopedia.itaucultural.org.br/pessoa20598/cacaso.
Boa leitura!

LAR DOCE LAR

p/ Maurício Maestro

Minha pátria é minha infância:
Por isso vivo no exílio.

SESSÃO ABERTURA DE NOVELA - VELHO CHICO

A novela Velho Chico foi apresentada pela Rede Globo no horário das 21h de 14 de março a 1º de outubro de 2016.
O tema musical de abertura era Tropicália, interpretado por Caetano Veloso.
Para maiores informações sobre a novela, favor acessar: http://www.teledramaturgia.com.br/velho-chico/.
Boa diversão!

video


LETRA

TROPICÁLIA

Sobre a cabeça os aviões
Sob os meus pés, os caminhões
Aponta contra os chapadões, meu nariz

Eu organizo o movimento
Eu oriento o carnaval
Eu inauguro o monumento
No planalto central do país

Viva a bossa, sa, sa

Viva a palhoça, ça, ça, ça, ça

O monumento é de papel crepom e prata
Os olhos verdes da mulata
A cabeleira esconde atrás da verde mata
O luar do sertão

O monumento não tem porta
A entrada é uma rua antiga,
Estreita e torta
E no joelho uma criança sorridente,
Feia e morta,
Estende a mão

Viva a mata, ta, ta

Viva a mulata, ta, ta, ta, ta

No pátio interno há uma piscina
Com água azul de Amaralina
Coqueiro, brisa e fala nordestina

E faróis
Na mão direita tem uma roseira
Autenticando eterna primavera
E no jardim os urubus passeiam
A tarde inteira entre os girassóis

Viva Maria, ia, ia
Viva a Bahia, ia, ia, ia, ia

No pulso esquerdo o bang-bang
Em suas veias corre muito pouco sangue
Mas seu coração
Balança a um samba de tamborim

Emite acordes dissonantes
Pelos cinco mil alto-falantes
Senhoras e senhores
Ele põe os olhos grandes sobre mim

Viva Iracema, ma, ma
Viva Ipanema, ma, ma, ma, ma

Domingo é o fino-da-bossa
Segunda-feira está na fossa
Terça-feira vai à roça

Porém, o monumento
É bem moderno
Não disse nada do modelo
Do meu terno
Que tudo mais vá pro inferno, meu bem
Que tudo mais vá pro inferno, meu bem

Viva a banda, da, da
Carmen Miranda, da, da, da da.


quarta-feira, 19 de abril de 2017

SESSÃO SAUDADE - CARMEN COSTA

É doce lembrar as velhas cantoras de nossa música.
Hoje, recordamos mais uma delas, a versátil Carmen Costa.
Dona de uma bela voz, Carmen sabia interpretar com brilhantismo desde alegres marchinhas de carnaval até canções de dor de cotovelo.
Obrigado, Carmen Costa, por ter iluminado a vida de tanta gente com seus gorjeios musicais!
Descanse em paz!
Para maiores informações sobre essa artista, favor acessar: http://dicionariompb.com.br/carmen-costa/.
Com o objetivo de homenageá-lo, reproduzimos abaixo três de seus grandes sucessos: Está Chegando a Hora, Chamego e Quase.

PRIMEIRO VÍDEO

video


LETRA

ESTÁ CHEGANDO A HORA

Quem parte leva saudades de alguém
Que fica chorando de dor
Por isso eu não quero lembrar
Quando partiu meu grande amor

Quem parte leva saudades de alguém
Que fica chorando de dor
Por isso eu não quero lembrar
Quando partiu meu grande amor

Ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai
Está chegando a hora
O dia já vem raiando, meu bem
Eu tenho que ir embora

Ai, ai, ai, ai, ai, ai, ai
Está chegando a hora
O dia já vem raiando, meu bem
Eu tenho que ir embora

Composição: Cortes / Henricão / Quirino Mendoza / Rubens Campos


SEGUNDO VÍDEO

video


LETRA

CHAMEGO

O chamego dá prazer
O chamego faz sofrer
O chamego às vezes dói
Às vezes não
O chamego às vezes rói
O coração
Todo mundo quer saber
O que é o chamego
Ninguém sabe se ele é branco
Se é mulato ou negro (2x)
Quem não sabe o que é chamego
Pede pra vovó
Que já tem setenta anos
E ainda quer xodó
E reclama noite e dia
Por viver tão só
E reclama noite e dia
Por viver tão só (2x)
Ai que xodó, que chamego
Que chorinho bom
Toca mais um bocadinho
Sem sair do tom
Meu comprade chegadinho
Ai, que chamego bom
Ai, que chamego bom
Ai, que chamego bom

Composição: Luiz Gonzaga / Miguel Lima


TERCEIRO VÍDEO

video


LETRA

QUASE

Foi pensando em você,
que eu escrevi esta triste canção.
Foi pensando em você,
que é meu tormento e é minha paixão.
É neste verso, que eu quero dizer,
o amor profundo que eu sinto por você.

Seu olhar me fascina,
oh! como eu vivo a sofrer,
quase que eu disse, agora,
o seu nome, sem querer,
não quero que zombe, de nós,
toda essa gente.
É por sua causa, que eu estou
tão diferente

Bem pertinho de mim, ele está,
me ouvindo cantar
e, juntinho dele, eu estou,
morrendo de amor

Composição: Jorge Gonçalves / Mirabeau

Fonte: https://www.letras.mus.br/carmem-costa/626777/

SESSÃO HUMOR

Joãozinho, esbaforido, entra em casa e diz:
- Mãe, mãe, me dá um real pra eu dar pro tio ali na rua!
Orgulhosa, ela dá o dinheiro ao filho e pergunta:
- Pra qual tio você vai dar o dinheiro, meu anjo?
- Pra aquele ali que está gritando "olha a pipoca quentinha"!

terça-feira, 18 de abril de 2017

SESSÃO REMAKE MUSICAL - JUST A DREAM AGO

A canção Just a Dream Ago, originalmente interpretada por Rita Moss, é apresentada no vídeo abaixo por Pholhas.
Boa diversão!

video


LETRA

JUST A DREAM AGO

Just a dream ago
You were in my arms and loved me so
Ev'ry hour was a paradise
You were mine just a dream ago

Just a kiss ago
We were in world all out our own
Making vows that we'd always be
Side by side through eternity

Now you're gone
And my heart cries for you
Darling, why must our plans
All fall through?

Oh-oh-oh, please, come back again
And ignite the flame that used to glow
Save the spell of a magic dream
That we lived just a dream ago

Oh-oh-oh-oh, please, come back again
And ignite the flame that used to glow
Save the spell of a magic dream
That we lived just a dream ago

TRADUÇÃO

Só Um Sonho Que Passou

Só um sonho que passou
Você ficava em meus braços e me amava tanto
Toda hora era um paraíso
Você foi meu sonho que passou

Apenas um beijo do passado
Éramos só nós no mundo
Fazendo votos de que sempre estaríamos
Lado a lado por toda a eternidade

Agora você se foi
E meu coração chora por você
Querido, por que nossos planos
Todos falharam?

Oh-oh-oh, por favor, volte mais uma vez
E acenda a chama que brilhava
Salve o feitiço de um sonho mágico
Que vivemos num sonho que passou

Oh-oh-oh-oh, por favor, volte mais uma vez
E acenda a chama que brilhava
Salve o feitiço de um sonho mágico
Que vivemos num sonho que passou